ARTISTA VISUAL

Sobre

Ana Camilo, a frequentar a licenciatura em Conservação e Restauro no Instituto Politécnico de Tomar, despertou desde cedo para o mundo da arte. Encontrou na disciplina da Pintura um veículo para o seu pensamento e para a sua busca pictórica. Interessada acima de tudo na cor e na figura, teve nas aulas com Anabela Faia um factor determinante para a sua progressão. Encontramos algumas referências latentes como Giorgio de Chirico, criador da Pintura Metafísica e um dos percursores do Surrealismo.

Não se limitando às telas e aos pincéis, complementa a sua actividade como artista, participando activamente na formação plástica de crianças e adolescentes.

Esteve presente em diversas exposições de pintura com destaque para a Exposição Colectiva no Palácio Anjos (Algés) em 1999, e a sua primeira exposição individual “Pena Suspensa” 18 anos 18 quadros, na SIMECQ em 2007. No plano internacional alcançou as medalhas de bronze no 37º e 38º Salon Concours “Grand Prix International” da Academie Européene Dês Artes na Bélgica; e a de prata na Exposition Internationale 2007 – Salon UVA em Paris organizado pela mesma academia.”

Miguel Félix

«Ana Camilo é uma jovem pintora cuja obra tive a sorte de conhecer numa exposição organizada no centro histórico de Oeiras. Das suas telas percebe-se que o talento para criar é imenso e nos convida a realizar viagens pictóricas onde encontramos ideias pioneiras que certamente cunham a sua identidade enquanto artista plástica.
Sendo uma profissional da conservação e restauro de pintura, rapidamente constatamos a enorme variedade de temas e técnicas que procura utilizar nos seus actos criativos, uma influência que intuo ter muito para nos revelar.»

Carlos Fragoso Malato

Quando em 2012 a Ana Camilo me convidou para a ajudar na organização de uma exposição que marcaria os seus 15 anos de carreira, não pestanejei! Para além de ter um carinho especial pela Ana, de acreditar no seu trabalho, existe uma característica nesta jovem artista na qual eu própria me revejo: paixão pelo que faz. A combinação perfeita! Há um ano que vivemos de troca de mails, de troca de ideias, de troca de preocupações, de troca de experiências… Há um ano que começámos a preparar a Exposição “15”. Tem sido uma vivência fantástica! Sobretudo porque pude compreender melhor o seu trabalho e a sua maneira de ser. Estou rendida às suas obras (que sempre gostei), embora agora as sinta de outra forma. Mas acima de tudo sou admiradora da sua juventude lutadora e crente! A Ana não baixa os braços, perante as adversidades, pelo contrário, ela ainda os estica mais para tocar no céu! É um exemplo a seguir. Tenho a certeza que o seu futuro será muito brilhante e por isso não duvido que em 2028 a Ana me convide para organizar uma exposição comemorativa dos seus 30 anos de carreira!

Rosária Casquinha da Silva

Autora do blogue “Armazém de Ideias Ilimitada”